Quinta-feira, 28 de Julho de 2011
Prós e contras
Pesquisa diz que a maior parte da população brasileira é contra a união estável homossexual.
por Redação MundoMais

Mais da metade da população brasileira é contra a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), que autorizou a união estável para casais do mesmo sexo, de acordo com pesquisa nacional realizada pelo Ibope, realizada entre os dias 14 e 18 de julho. De acordo com o levantamento, 55% dos brasileiros são contrários à decisão e 45% são favoráveis.

O instituto informou ter feito 2.002 entrevistas domiciliares em 142 municípios do país, ouvindo pessoas com 16 anos ou mais. A margem de erro é de dois pontos percentuais.

Segundo o Ibope, as mulheres são as que menos se incomodam com o tema, seguido dos mais jovens, dos mais escolarizados e das classes mais altas. A população do Norte, Centro-Oeste e Nordeste do país é a que mais apresenta resistência sobre o assunto, sendo 60% contrários à decisão do STF. No Sudeste, o índice cai para 51%.

Os dados apresentados pela pesquisa mostram que o brasileiro não tem restrições em lidar com homossexuais no seu cotidiano, como profissionais ou amigos que se assumam homossexuais. Mas a população ainda se mostra resistente a medidas que possam denotar algum tipo de apoio da sociedade a essa questão, como a união estável ou o direto à adoção de crianças.

O levantamento também aponta que 63% dos homens são contra a decisão do STF, enquanto apenas 48% das mulheres são da mesma opinião. Entre os jovens de 16 a 24 anos, 60% são favoráveis. Já os maiores de 50 anos são majoritariamente contrários (73%). Entre as pessoas com formação até a quarta série do ensino fundamental, 68% são contrários. Na parcela da população com nível superior, apenas 40% não são favoráveis à medida.

Sobre a aprovação à adoção de crianças por casais do mesmo sexo, os resultados seguem a mesma tendência, segundo o instituto. A pesquisa aponta que 55% dos brasileiros se declaram contrários. Entre os homens, o indicador é mais alto, com 62% de opositores. O mesmo ocorre entre as pessoas com mais de 50 anos (70%). Entre os brasileiros com escolaridade até a quarta série do ensino fundamental, 67% são contra. Outros 60% se declaram contrários no Nordeste, 57% no Norte e no Centro-Oeste, 55% no Sul e 52% no Sudeste.

Para 73% dos pesquisados, a revelação de que suas amizades são homossexuais não interferiria em nada no relacionamento. Outros 24% disseram que afastariam muito ou pouco e 2% não souberam responder. Embora com menor intensidade, o mesmo padrão de opinião nas respostas anteriores se repete no comparativo por faixa etária, nível de escolaridade, sexo e região do país.

Entre as mulheres, 80% não se afastariam dos amigos homossexuais. Entre jovens de 16 a 24 anos, 81% dos jovens não se afastariam e 85% das pessoas com nível superior de escolaridade também defendem que não haveria mudança na amizade. No Sudeste, 79% das pessoas disseram que não se afastariam. No Norte e Centro-Oeste, 72% têm a mesma opinião. No Sul, são 70% e, no Nordeste, 66%.

Médicos, policiais e professores

O instituto questionou a aceitação da população para homossexuais que trabalharem como médicos no serviço público, policiais ou professores de ensino fundamental. Apenas 14% se disseram total ou parcialmente contra trabalharem como médicos, 24% como policiais e 22% como professores. A parcela dos brasileiros que são parcial ou totalmente favoráveis é de 84% para o caso de médicos, 74% para policiais e 76% para professores.

O levantamento aponta ainda que há maior tolerância nas pessoas cuja religião foi classificada na categoria “outras religiões”, onde 60% são favoráveis à decisão do STF. Entre os católicos e ateus ouvidos há divisão de opiniões, com 50% e 51% de aprovação, respectivamente. Entre os protestantes e evangélicos, 23% se dizem favoráveis à iniciativa do STF.

Fonte: G1
Norma para comentários:
Acusações insultuosas e comentários em desacordo com o tema da matéria serão despublicados.
Comentários dos leitores (51)
CRISTIANO04/08/2011 0:14
CRISTIANO04/08/2011 0:14
E AE GALERA!!!!!!! CONCORDO PLENAMENTE COM MUITO DOS AMIGOS AQUI EM QUESTÃO, ESSES PERCENTUAIS APONTADOS REFERE-SE A UM TIPO DE GRUPO SEM ESTUDO, DESORGANIZADOS, SEM HABITAÇAO OU NO MAIS SEM DENTES NA BOCA, O Q ME DEIXA MAIS CHATEADO É SABER Q AINDA EXISTEM MUITOS CASAIS GAYS, A FIM DE ADOTAR FILHOS DE GOZADAS HETERO MAL SUCEDIDAS NA NOITE OU NOS TERRENOS BALDIOS, É IMCOMPREENSIVEL Q TEMOS Q TER ESSA POSTURA DE ADOTAR, SE NÃO SERVIMOS COMO SERES DE RESPEITO, NÃO SOMOS ÚTEIS PARA A ADOÇAO DE CRIANÇAS., SOU CASADO COM MEU COMPANHEIRO E ASSIM COMO MUITOS CASAIS NÃO QUEREM NEM PENSAR EM ADOTAR, MEU COMPANHEIRO GRAÇAS A DEUS ATÉ O MOMENTO TAMBÉM NÃO QUER, ADOTAMOS ANIMAIS DE ESTIMAÇAO, Q SÃO FIÉIS E AMÁVEIS.......TORNO A DIZER, NÃO ADOTO E NUNCA ADOTAREI CRIANÇAS FEITAS DE GOZADAS MAL SUCEDIDAS DE HETEROS....BJS A TODOS, FIQUEM COM DEUSE LEMBREM´SE O RESPÉITO DEVBEMOS DAR DESDE CASA, PARA Q A RUA NOS RESPEITE.
cristiano04/08/2011 0:13
cristiano04/08/2011 0:13
E AE GALERA!!!!!!! CONCORDO PLENAMENTE COM MUITO DOS MAIGOS AQUI EM QUESTÃO, ESSES PERCENTUAIS APONTADOS REFERE-SE A UM TIPO DE GRUPO SEM ESTUDO, DESORGANIZADOS, SEM HABITAÇAO OU NO MAIS SEM DENTES NA BOCA, O Q ME DEIXA MAIS CHATEADO É SABER Q AINDA EXISTEM MUITOS CASAIS GAYS, A FIM DE ADOTAR FILHOS DE GOZADAS HETERO MAL SUCEDIDAS NA NOITE OU NOS TERRENOS BALDIOS, É IMCOMPREENSIVEL Q TEMOS Q TER ESSA POSTURA DE ADOTAR, SE NÃO SERVIMOS COMO SERES DE RESPEITO, NÃO SOMOS ÚTEIS PARA A ADOÇAO DE CRIANÇAS., SOU CASADO COM MEU COMPANHEIRO E ASSIM COMO MUITOS CASAIS NÃO QUEREM NEM PENSAR EM ADOTAR, MEU COMPANHEIRO GRAÇAS A DEUS ATÉ O MOMENTO TAMBÉM NÃO QUER, ADOTAMOS ANIMAIS DE ESTIMAÇAO, Q SÃO FIÉIS E AMÁVEIS.......TORNO A DIZER, NÃO ADOTO E NUNCA ADOTAREI CRIANÇAS FEITAS DE GOZADAS MAL SUCEDIDAS DE HETEROS....BJS A TODOS, FIQUEM COM DEUSE LEMBREM´SE O RESPÉITO DEVBEMOS DAR DESDE CASA, PARA Q A RUA NOS RESPEITE.
Theo02/08/2011 11:02
Theo02/08/2011 11:02
Um gay evangélico p mim, soa como um negro nazista. Ou seja, a maior incoerência, falta de discernimento e falta de amor próprio q uma pessoa possa ter. Sobre o tema, como diz Silvety Montila...meu cuuuuuu p quem é contra. Tô nem aí. Precisamos de respeito, nem q seja na marra por força de leis. A única aceitação q precisamos é de nós mesmos. E o Estado tem o DEVER nossos direitos, pois pagamos impostos como qualquer hetero, logo, temos q ter os mesmos direitos como cidadãos!!
alem02/08/2011 1:48
alem02/08/2011 1:48
ultimo
Gabriel Peruccio01/08/2011 23:06
Gabriel Peruccio01/08/2011 23:06
Bem.....Não fui consultado. Como homosexual assumido eu não concordo mas como Nordestino eu entendo o povo. É cultura, o Brasil não e um pais com uma cultura de aceitação muito grande, mas falo por mim sou cirurgião bariatrico e meus pascientes me adoram e respeitam, claro pq eu me respeito. Só espero que essa decisão do judiciário(enceparão ao casamento homoafetivo) não seja revogada, acredito que nos gay brasileiros estamos enfiamdo a nossa homosexualidade pela goela brasileira, por isso eles se sentem feridos ou ofendidos, o melhor e nos trazermos meios acadêmicos, e informações reais para o Brasil para que heterosexuais não se sintao ofendidos. Se não queremos segregação pq segregamos? Exemplo simples e do GGB(grupo gay da Bahia) que se divido em 2 1 para negros e outro para brancos
alexandre01/08/2011 1:24
alexandre01/08/2011 1:24
nao me consultaram .
lucas31/07/2011 15:03
lucas31/07/2011 15:03
sou policial, gay, casado com outro gay e muito feliz. essa pesquisa não quer dizer nada para mim. soemente o que minha família pensa a meu respeito é que me importa.
Lucas31/07/2011 14:23
Lucas31/07/2011 14:23
"Maioria da população brasileira é contra a união estável entre homossexuais". Que coincidência: a maioria da população brasileira tbm era contra o abolicionismo a uns anos atrás né...
Max RJ30/07/2011 22:52
Max RJ30/07/2011 22:52
Não me consultaram...Kkkkkkkkkkkkkkkkkk Eu iria ser 100% favorável a tudo quanto é pergunta para melhorar a vida dos homossexuais...pra que todos sejam FELIZES!!!!!
drawot@ig.com.br30/07/2011 22:24
drawot@ig.com.br30/07/2011 22:24
pois é. não me consultaram.
R.Gaucho29/07/2011 19:57
R.Gaucho29/07/2011 19:57
Hauahuaha....sou obrigado a concordar com o amigo "piadista". As porcentages revelam exatamente o que ele disse. Verdade Nua e Crua....hauahauahu....É isso ai!
PIADA29/07/2011 18:07
PIADA29/07/2011 18:07
Vc q é burro, não soube analisar os dados, leia novamente as porcentagens.
Vcs nao sabem ler nao, bando de burros, a pesquisa nao foi feita somente com velhos, religiosos e pobres, na materia diz q foi feita com pessoas acima de 16 anos e nas residencias
De Daniel para Ian29/07/2011 16:26
De Daniel para Ian29/07/2011 16:26
Jamais faria isso meu caro, ir a igreja de maos dadas com meu namorado,claro que a gente nao ia ser bem visto como em qlqr outro lugar, temos que nos colocar em nossos lugares pq um casal homosexual nunca sera um casal normal perante a sociedade......
luks29/07/2011 12:17
luks29/07/2011 12:17
Eles aceitando ou não, eles vão ter que engolir, porque quem entende de lei e de direitos humanos e sabe que isso gera trabalho para os advogados de plantão são os ministros lá STF, porque o povo e os deputados são todos iguais(conservadores).
Sou de SP29/07/2011 10:52
Sou de SP29/07/2011 10:52
Não preciso que as pessoas me aceitem, mas que me respeitem como ser humano e não rotulando se sou isso ou aquilo.
P/ Vagner Bolsa29/07/2011 8:34
P/ Vagner Bolsa29/07/2011 8:34
Olha Vagner, fui eu que fiz a piada. Na verdade claro q o q eu escrevi foi pra trazer um pouco de humor à questão. Mas mesmo assim não concordo com o q vc diz... vc fala q essas pessoas nos vêem como monstros e devemos provar o contrário, porém eu não acho q seja por aí... Elas é q têm uma visão errônea dos gays, não cabe a nós mostrarmos q somos humanos tb, cabe sim a essas classes respeitarem os diferentes por elas mesmas... Vc pode notar na pesquisa q os mais estudados não têm tanto preconceito. Mas pq não?, Por q são pessoas se informando por elas mesmas, vão em busca de informação. Achar q nós temos q fazer bonito pra sermos respeitados é um erro, até mesmo pq essas pessoas (como os crentes q são "bonecos" altamente influenciados por pastores), ou velhos ( q carregam preconceitos de gerações e gerações passadas) e pobres ( q não têm acesso à educação) têm uma visão socialmente manipulada e restrita do homossexual. Então, eu te digo: os gays podem mudar isso? Resposta: NÃO, gays são o q são e não vão mudar de postura, quem pode mudar isso é o acesso à informação, o estudo e auto-reflexão, como a pesquisa acima mostra. Depois de tantos anos sofrendo preconceito, na mão dessas pessoas, vc ainda quer dizer q nós temos q melhorar nossa imagem pra sermos aceitos?: pra mim é demais né meu caro.
Cláudio Neblina29/07/2011 7:01
Cláudio Neblina29/07/2011 7:01
Concordo com Ian: é muito masoquismo pertencer, ou insistir em pertencer, a uma igreja que nos despreze e hostilize. Ser rechaçado no meio que frequentamos ? Qual é a graça ? Só para quem gosta de sofrer, e muito. Religiões há muitas, e variadas em suas teologias. Há algumas que nos aceitam e nos acolhem com carinho e respeito. A Umbanda e o Espiritismo são duas, mas há outras. Alguns dirão: "Eu professar a Umbanda ou o Espiritismo ?" Preferes ser fiel, irmão, de algum credo religioso que pregue e sustente a aversão a nós, condenando-nos ao fogo do inferno ? Francamente...
Vágner Bolsa29/07/2011 6:52
Vágner Bolsa29/07/2011 6:52
Eis aí um grande engano: idosos, pobres e crentes também são formadores de opinião e, cada um com sua fatia de poder, exercem influência para que sejamos aceitos e consigamos obter benefícios sociais, como leis que nos protejam. Não podemos excluir ninguém da possibilidade de nos acolher e respeitar. Precisamos da sociedade como um todo. Ninguém vive isolado no mundo. Necessitamos de estratégias inteligentes para convencer as pessoas de que não somos os monstros e os párias com que muitos nos enxergam. Dar de ombros diante dessa pesquisa é cochilar e, de certa forma, agravar nossa situação. Pensemos nisso. Nossas posturas pesam quanto ao conceito que criamos para que os outros nos apoiem ou nos rechacem. Infelizmente, muitos ignoram ou desprezam essa verdade.
PIADA29/07/2011 6:16
PIADA29/07/2011 6:16
Resumindo... Pobre, crente e velho não gosta de gay, q ótimo pq essa gentalha pra nós gays não interessa nenhum pouco... kkkkkkkkkk
Tony29/07/2011 1:34
Tony29/07/2011 1:34
Deus quando fez o ser humano, fez o homem e a mulher, formados disse: Cresçam, multipliquem-se e povoem a terra. Sim já povoamos a terra, e agora? Será que o mundo suportará daqui a alguns anos tanta gente? Deus é sábio e a natureza tbm, eis aí a causa desta paixão intensa entre pessoas do mesmo sexo. Muitos evangélicos se agarram em verículos isolados da Bíblia para exporem a suas iras, se confundem, se atrapalham, e perdem o sentido de tudo. Os adventistas guardam o sábado, e dizem quem não o fizer não serão salvos; os assembleianos discordam, e criticam os adventistas por estes acreditarem numa profeta chamada Ellen White, chamando-os de seitas; já os adventistas reinvidicam porque os assembleianos não tem apenas um profeta, mais vários que se manifestam através do pentecoste; os da igreja do "véu" dizem que os profetas assembleianos não são de Deus só os deles, porque as mulheres tem que usar um lenço branco para se chegar a Deus; os da Deus é amor, dizem que são os únicos salvos, devidos as diversas restrições em suas vestimentas; assim em outros tempos foram os assembleianos; os mórmons dizem que o povo tem que acreditar em Joseph Smith; os católicos em outras épocas chamavam todos protestantes de hereges, e os queimavam em fogueiras; catolicismo tbm o qual nos dias atuais surgem os crimes de pedofilia e a igreja tenta abafar com o famoso exorcismo(vamos exorcisar, é o que dizem); protestanismo que apenas criticam os outros, e não olham para os seus diversos charlatões! Há são os dízimos que sustenta os templos, conta de água, luz... e esquecem de falar os carros de luxo, e até mesmo jatinhos, então saem com mais uma desculpa descarada: Mas são da igreja, da igreja que só eles(os pastosões) andam e usurfruem. O objetivos de muitas religiões é manter o povo na ignorância, para isto tentam reprimirem o conhecimento para que não haja liberdade, e eles mesmos já passaram por estas restrições. A verdadeira religião é amar ao próximo como a si mesmo, é incluir em suas vidas, não excluir, é compreender, entender, e respeitar as diferenças, e é isto que Deus quer.
Caio29/07/2011 1:19
Caio29/07/2011 1:19
O voto da maioria nessa caso não anula o direito da minoria que paga os mesmos impostos e devem possuir os mesmos direitos. Se não em lei pelo menos pelo STJ na medida em que a sociedade muda ou as pessoas começam a exigir seus direitos. Foi assim com as mulheres no início do séxulo passado, foi assim com os negros, os portadores de necessidade especiais (esses também tem muito pelo que lutar também) e assim como os GLTB. Enfim, rumo as conquistas por igualdade e por um mundo melhor!
De Caio para Anderson29/07/2011 1:07
De Caio para Anderson29/07/2011 1:07
Não Anderson, está correto sim! O tipo de pesquisa é a mesma utilizada para medir os votos dos candidatos a política tendo sua respectiva margem de erro. Acontece que nesse caso em expecífico, homens, com baixa intrução e possivelmente religiosos acima dos 50 é difícil convencer uma pessoa dessas daquilo que ele escutou do pai, do avô e do bisavô. Fato, essa geração não sobreviverá para sempre, assim como a minha também não. Tudo é um processo de mudança. Agora vc entende porque a maioria das religiões são contra o progresso, né? Digo não só finaceiro, mas científico. PS: Ainda assim 45% da população que apoia é um numero considerável, vcs não acham? Eu acho!
Anderson29/07/2011 0:52
Anderson29/07/2011 0:52
2.002 entrevistados / população brasileira acima de 16 ou mais (perto dos milhões) = porcentagem ínfima. Amostra em qualquer pesquisa científica é descartada. O instituto sabe disso. Amostragem ínfima para se ter uma conclusão de que "..a maior parte da população brasileira é contra a união estável homossexual..."
GUILHERME HENRIQUE BORGES29/07/2011 0:11
GUILHERME HENRIQUE BORGES29/07/2011 0:11
"para todos contra a união ACORDEM!!!"-----CONCORDOOOOOOOOO PLENAMENTE.....
Daniel, os crentes não falam na tua frente mas para eles vc, por ser gay, é abominável a Deus....procura uma igreja que te respeita...existem muitas igreja inclusiva que aceitam homossexuais. Jose - Recife
Daniel, os crentes não falam na tua frente mas para eles vc, por ser gay, é abominável a Deus....procura uma igreja que te respeita...existem muitas igreja inclusiva que aceitam homossexuais. Jose - Recife
Daniel, os crentes não falam na tua frente mas para eles vc, por ser gay, é abominável a Deus....procura uma igreja que te respeita...existem muitas igreja inclusiva que aceitam homossexuais. Jose - Recife
José - Recife28/07/2011 22:55
José - Recife28/07/2011 22:55
Os mais preconceituosos são homens, tem baixa escolaridade, são mais velhos e são evangélicos. Ninguem tem que esperar ser aceito por ninguem, e sim exigir respeito. Homossexuais podem sim ter relacionamento estável, basta a gente querer. Recife
salvador28/07/2011 22:45
salvador28/07/2011 22:45
eu imagina isto mas a luta continuar termos de vencer está barreira e viver dias melhores para nós...
foca28/07/2011 22:41
foca28/07/2011 22:41
POIS É, POIS É, POI É. MAS SÃO FAVORAVEL A LIBERAÇÃO DA MACONHA. VAI ENTENDER???.Ô Ôô..POVINHO
Ian28/07/2011 20:16
Ian28/07/2011 20:16
Daniel, esta igreja evangélica te aceita, ou aceita o seu dízimo? Eles sabem q vc é gay e vive uma vida sexual ativa (ou passiva..rs)? Pq segundo eles...Deus ama o homossexual, mas abomina o homossexualismo...como se um existisse sem o outro. Se vc for c o seu parceiro a esta igreja de mãos dadas, como qualquer casal normal, vcs serão respeitados? Nao consigo entender pq alguns gays insistem em ser aceitos em instituições q nao fazem outra coisa a não ser fuder (no mal sentido) com nossa vida. Tdo bem acreditar em Deus, mas neste Deus mesquinho, déspota, vaidoso e vingativo q estas igrejas pintam? Vc realmenet precisa de intermediários p "falar" com Deus?
pedro28/07/2011 19:33
pedro28/07/2011 19:33
concordo com Gui, pois uma opiniao com cerca de 2000 pessoas nao pode servir de regra para uma populaçao de milhoes de pessoas. Mas de certo modo, a pesquisa aponta algumas curiosidades: a quase "taxativa" "não aceitaçao a gays". Nesse sentido, é obvio q vivemos numa sociedade hipocrita. Esta mesma sociedade rejeita o gay, porem o aceita quando esse gay paga as contas com cartao de credito, gasta na lanchonete da esquina, faz donativos às obras assistenciais, colabora com a igreja e assim por diante. Sociedade so aceita gay, quando gay tem dinheiro, ou melhor, aceitam o dinheiro do gay, nao o gay. Qto ao parecer da religiao contra ou a favor dos gays, acho q na historia da humanidade houveram muitas tragedias humanas provocadas por uma fé (ou religiao) que busca ser dona da verdade, e nao uma extensao de Deus (no sentido espiritual). Obvio q eles seram contra, pois precisam perpetuar seus patrimonios por geraçao a geraçao, as custas de uma fé cega e alienada. Outra grande verdade, é que a sociedade é contra a uniao estavel, pelo fato de muitos gays (por nao terem filhos, dispendios, etc) acumularem algum patrimonio ao longo da vida, e quando morrem, a familia aparece para "levar um". Ai neste caso, nao importa se a casa ou a poupança ou o automovel era do gay. Quanto a rejeiçao em se ter gays como profissionais medicos, professores, etc., devemos tambem observar o quanto nossa sociedade é ingrata: qtos que responderam a pesquisa ja nao foram socorridos, ou tiveram a vida salva por um medico gay? qtos foram letrados, informados por um professor gay? e por ai vai. Portanto, o gay precisa ser mais realista: nao existe aval de hetero!. É como agua e oleo: nao se misturam. Muitos aqui talvez podem ate me criticar, mas no osso da palavra a verdade é uma só: ou o gay se une ao gay (amizade, namoro, trabalho, etc) ou ele simplesmente morre pisoteado por esta imensa multidao chamada "sociedade do politicamente correto". Os gays deveriam duelar menos uns com os outros pelo "pau nosso de cada dia" e se unirem mais para se estabelecerem redes sociais com quem de fato nos entendera, nos aceitara: NÓS MESMOS!.
ygor vasconcelos28/07/2011 18:18
ygor vasconcelos28/07/2011 18:18
o interesante e que ninguem soube ou ouviu falar dessa pesquisa, mas o que tenho para dizer e que como qualquer casal, casais homossexuais existem, e isso basta para que sejam amparados pela constituição. No entanto eu nunca quis essa questão de casamento mas nao se pode iginorar isso pois sabemos que muitas pessoas acabam tendo problemas com a perda do seu parceiro, dai a necessidade desse dispositivo.
Gui28/07/2011 16:45
Gui28/07/2011 16:45
Uma pesquisa com 2000 pessoas tem representatividade? 0,001% da população total? IBOPE furado...
Daniel28/07/2011 16:20
Daniel28/07/2011 16:20
Caro Ian, nao tem nada a ver seu comentario sobre ``religioes`` nao sao elas de descriminam e sim nos proprios, faz muitos anos que frequento uma igreja evangelica e numca fui descriminado la, pq sempre me coloco no meu lugar, agora tem muitos gays q o tempo td e qlqr lugar so pensa em `´ cassar`´ Agora botar a culpa sempre nas religioes nao é por aí......
Marcos28/07/2011 14:57
Marcos28/07/2011 14:57
De fato o primeiro comentário do Ian foi um tanto "pejorativo e triste" vendo da ótica " sou contra o preconceito". Entretanto, após analisar suas outras opiniões, eu coaduno exatamente com tudo o que ele falou. Vivemos num tempo em que não temos mais tempo para ficar se preocupado com os problemas alheios. Infelizmente é cada um por sí e (olhe lá) Deus por todos. Quanto aos direitos civis, existem outros metodos que podem assegurar estes direitos, não necessariamente o casamento.
Ian28/07/2011 14:48
Ian28/07/2011 14:48
Caro Tony, eu acho lindo estas pessoas q se dedicam em querer mudar o mundo e a mentalidade das pessoas. Mas eu não nasci p isso. Talvez seja até um pouco de egoísmo, mas quem é perfeito, né? Me dedico apenas a cuidar da minha vida, da minha familia e das pessoas q gosto e q gostem de mim como sou. Não sou assumido, mas qdo me dou em convívio c alguem homofobico não vai ser eu q vou procurar mudar a mentalidade desta pessoa. Simplesmente ignoro e deleto da minha vida! Meu ego é mto gde p ficar me rebaixando e tentar provar p alguém q eu sou "legal mesmo sendo viado". Esperar q essa sociedade brasileira, corrupta, hipócrita e c ampla maioria de pessoas q confundem constituição c bíblia, se torne civilizada a curto prazo é mta inocência. E não vai ser eu q vou dedicar minha curta passagem neste plano a esta causa! Basta ver nossa realidade: trabalhamos 5 meses do ano só pagar impostos e sem ter retorno algum, 1/3 destes impostos recolhidos são roubados ou desviados, a corrupção rolando solta e discaradamente, educação publica é um lixo, saúde pública é piada, falta de infra-estrutura geral....e o q a população faz? Fica preocupada com futebol, com o q passa na novela das 9 e com o rabo do vizinho.! Sinceramente, vc acha q isso vai mudar nesta geração? Seria inocência demais... Me dou por satisfeito com direitos civis iguais, pelo menos assim podemos lutar na justiça qdo as leis forem desrespeitadas!
Tony28/07/2011 14:03
Tony28/07/2011 14:03
Para IAN: Ian, não é a separação de determinada classe, a crítica contundente,(velhos, ignorantes religiosos, pessoas que vivem nas regiões mais pobres do país e com baixa escolaridade) que vai resolver a situação deste "separatismo", a nossa real briga é para que nossa sociedade seja bem educada, para que todos cheguem a um senso comum, este tipo de crítica (laia) tbm são lançadas aos gays, as suas expressões podem ser alusivas ao preconceito, não se responde com a mesma pedra, mas com a compreensão de que todos são livres para darem opiniões, e que o objetivo principal é o respeito as diferenças, a democracia sim, traz tolerância, e é esta tolerância que nos fará uma sociedade bem melhor e civilizada. Tive um amigo que era completamente homofóbico, ele quando adolescente agridiu severamente um colega de escola por este ser gay, para piorar o "machismo" dele conseguiu entrar na PM em Pernambuco, e no carnaval expunha toda a sua intolerância, quando o conheci logo percebir o seu jeito de ser, seus filhos eram estritamente educados, à risca a o mesmo "machismo", e sua esposa completamente religiosa, fiz amizade com eles, e convíviamos muitos tempos juntos, e é claro nunca me declarei gay, mas um dia para minha surpresa, os dois vinheram a mim e pergutaram, se eu era homossexual, e eu no intuíto de não perder a amizade deles disse que não, que era um absurdo pensarem isto de mim, mas prontamente ele disse: Eu gosto da verdade, vc não nos engana, fiquei estarrecido, estático! Sem palavras para dizer, e eles, no mesmo silêncio me abraçaram, depois de alguns instantes disseram-me: Se toda violência do mundo fosse provocada por gays certamente o planeta seria um paraíso, perdoe toda nossa ignorância. Hoje ele não está mais em nosso meio, foi morto devido a uma ação militar, mas ainda tive tempo de vê-lo no hospital, e ele poucas horas antes de morrer disse-me: Você foi o melhor amigo que eu tive, obrigado pela sua existência.
Pessoal , alguma vez foi feito algum tipo de pesquisa com a sociedade sobre , a politica no Brasil ( é claro que já acho que todos os dias né ?? e qual a maioria opinião , ) INSATISFAÇÃO concordam?? então por essa merda essa porra de sociedade NÃO SE REVOLTA CONTRA A POLITICAGEM NESTA BOSTA DE BRASIL , e ficam fazendo pesquisa quem é contra a favor dos gays , vai pro inferno sociedade hipocrita.
Ian28/07/2011 13:43
Ian28/07/2011 13:43
Caro Charles, meu comentário não é preconceituoso, é apenas uma síntese do resultado da pesquisa...basta vc ler a reportagem toda. Eu nao tenho absolutamente nada contra velhos, pois este é o fim de todos nós, como vc mesmo disse..se tivermos esse privilégio de envelhecer e não morrer antes. Aliás, nao tenho tempo p ter nada contra ninguém...até o momento q este alguem venha querer me julgar ou ditar regras sobre minhas escolhas. Me desculpe se não sou um seguidor de Jesus Cristo q oferece a outra face após ser esbofeteado. Respeito p mim é algo recíproco, a q vc tem direito apenas qdo respeita o próximo. Não me vejo na obrigação de tratar com respeito quem me desrespeita, seja quem for..de q "laia" pertença! Não espero a benção da sociedade sobre casamento gay, quero apenas que o Estado reconheça nossos direitos civis através de leis, q farác q o resto da sociedade seja obrigado a respeitar ou arcar com as consequências legais. Se eles estão gostando disso ou não, se aprovam ou nao, se acham bonito ou não, sinceramente: não dou a mínima!!! Abraço
CHARLES28/07/2011 13:23
CHARLES28/07/2011 13:23
Oi Ian, perdoe-me a interferência, mas teu comentário é repleto de preconceito contra os velhos, os pobres e os ignorantes. E essa "laia" a qual você se refere são pessoas que merecem o nosso respeito também. Para termos garantido qualquer direito temos que primeiramente respeitar o direito do próximo. Eu entendo que muitas notícias nos revoltam, mas com violência geraremos apenas mais violência. Precisamos sim de tolerância e educação para todos. E diferentemente do que você disse vivemos numa sociedade e como tal somos sim afetados pela maioria. Precisamos nos engajar e embasados em conhecimentos legais mudarmos a nossa condição atual. Quando eu era um menino acreditava que o resto não interferia na minha vida, mas com o tempo, hj tenho 27 anos tenho certeza que o todo faz parte sim da nossa realidade. Somos uma sociedade e as leis são feitas por causa de uma necessidade social. Se quisermos mudar precisamos nos informar e lutar pelos nossos direitos. Se hoje você é um jovem futuramente, se tiveres esse mérito, serás um velho. cuidado com as palavas. Um abraço carinhoso
Ian28/07/2011 12:44
Ian28/07/2011 12:44
Resumindo: velhos, ignorantes religiosos, pessoas q vivem nas regiões mais pobres do país e c baixa escolaridade são contrárias. Não convivo c essa laia. E em q a opinião destas pessoas afetam minha vida? Em absolutamente nada! Só quero meus direitos civis garantidos no papel, e q se exploda quem é contra.
CHARLES28/07/2011 11:52
CHARLES28/07/2011 11:52
A questão principal é ter direitos iguais. Sou gay e não sou culpado por isso. Trabalho, pago imposto e como tal não posso ser excluído numa sociedade que diz de um país democrático de direito. Todos merecem respeito e como tal não podemos ser tratados de maneira diferente. Posso ou não me casar, mas é preciso que a nós se deem todos os direitos de fato e de direito. Acho mesmo que qualquer forma de preconceito é sinônimo de ignorância e incapacidade de nos colocarmos no lugar do outro. No entanto, como sociedade e mundo reconheço que as injustiças e a violência continuaram a existir. O que não quer dizer que não precisamos nos unir para conquistarmos a tão bonita isonomia de direitos. Que bom que alguns homens públicos, esclarecidos e com o poder respeitam a nossa condição. Palmas e muitas palmas aos ministros do nosso STF. E educação para os que ignorantemente se posicionam contra. Não consigo aceitar o fato dos homofóbicos não perceberem que somos gays não por simples escolha, pois se pudéssemos escolher quem seria otário de ser gay e ter que sofrer tanto preconceito e discriminação. Sou gay sim e preciso que a sociedade me dê também condições legais e jurídicas de ter orgulho de tal condição. É vergonhoso assistir a tantos casos na mídia de violência aos homossexuais. E não acredito que só uma lei vá resolver todos os nossos problemas. Está aí a lei Maria da Penha, a lei da ficha limpa, o ECA, a lei seca... Enfim leis temos muitas, educação e respeito a elas....nem tanto. A educação ainda será sempre o melhor remédio. Educação e ética para TODOS!!!!
Vcs até hj não entenderam o objetivo da legalização da união homofetiva, o objetivo é ASSEGURAR DIREITOS entre pessoas q vivem juntas por muito tempo. Por exemplo, se um dos dois morrerem o q eles contruíram juntos vai ser divido com o outro e não vai pra família (pai, mãe, irmão) do parceiro morto... Não é casar pra ficar bonito no altar e na vizinhança, não... VAMOS LER MAIS GENTE PRA NÃO FALAR TANTAS BESTEIRAS, MESMO QUE VC NÃO TENHA ESTUDADO MUITO, LEIA ANTES DE OPINAR. Se vc quer ser repeitado informe-se dos seus direitos. Tem coisas q me irritam tanto q dá vontade de mudar de país.
Rapaz ker kazar28/07/2011 11:32
Rapaz ker kazar28/07/2011 11:32
Eu acho q os dados são positivos, achei q seria bem pior... Mas pode melhorar mais.
Paulo28/07/2011 11:21
Paulo28/07/2011 11:21
Nossos pensamentos sao diferentes com certza, mas explicitando minha opiniao individual eu acho q a união (casamento) é um pensamento meskinho. Podemos muito bem ser felizes sem precisar "imitar" a união hetero. abraços
Marcos28/07/2011 11:07
Marcos28/07/2011 11:07
em tempo, antes que uma desavisada venha falar besteira : O STF reconheceu a união estável entre pessoas do mesmo sexo, o casamento ainda não.
Marcos28/07/2011 11:04
Marcos28/07/2011 11:04
Nada contra, nada a favor. Entretanto entendo que, anuindo o casamento gay, com certeza os cartórios vão ter que aumentar o efetivo de funcionários, pois o que vai ocorrer de separação em tempo record não vai ser "mole não". A verdade é uma só, pouquissimos gays conseguem viver uma vida estável com apenas um parceiro... enfim, tanto barulho para uma causa, que não vejo ser a necessário para o mundo gay. RESPEITO deveria ser a palavra de ordem (respeito de todos envolvidos, inclusive de nós, GAYS !!!!!!)
eu particularmente , não tou nem ai prá apoia ou não , prá quem tem preconceitos ou não , ninguem me dá comida , nem paga minhas contas , eu não quero apoio prá ser gay, não preciso disso , e outra , com tanta promiscuidade , occorendo no mundo "hetéro" os gays se casando iria ser um afronto , pois o casamento é uma isntituição falida , e se todos fossem a favor da união gay , talves provocasse inveja no mundo chamado hetero rsr
Igor28/07/2011 10:39
Igor28/07/2011 10:39
Que engraçada, ninguém me perguntou nada...
Faça seu comentário!
Nome

Faça seu comentário:

LEIA TAMBÉM
LEIA MAIS
22/10/2014 NOTíCIAS » Ator diz que está assustado, após ser abordado por homofóbico e levar soco no olho.
22/10/2014 NOTíCIAS » Leonardo e Xana viram héteros, e autor é criticado por cura gay.
21/10/2014 NOTíCIAS » Argentina concede refúgio a gay russo e pode virar destino para vítimas.
21/10/2014 NOTíCIAS » Confira quais são os avanços dos direitos gays no mundo.
20/10/2014 NOTíCIAS » Eles ficam com homens e negam ser gays. Conheça os g0ys de Brasília!
20/10/2014 NOTíCIAS » Vaticano divulga mensagens e pede respeito aos homossexuais.
17/10/2014 NOTíCIAS » Delicie-se com os strippers virtuais do Câmera Privê: prazer sem limites pra você!
17/10/2014 NOTíCIAS » Otaviano Costa ganha selinho de Rodrigo Hilbert em Amor & Sexo.
Pedro
Twitter
Facebook
© Copyright 2013 MundoMais. Todos os direitos reservados.