Sexta-feira, 14 de Outubro de 2011
EUA
Gay is good!
Frank Kameny, ativista pioneiro dos direitos LGBT, morre aos 86 anos de idade.
por Redação MundoMais

ESTADOS UNIDOS - Frank Kameny, ativista gay pioneiro da causa pelos direitos civis nos Estados Unidos na década de 1960 e figura chave na luta pelos direitos LGBTs, morreu esta terça-feira aos 86 anos, em Washington, anunciou a organização fundada por ele.

"A morte de Frank Kameny é uma perda profunda e sentiremos muita falta dele", informou em um comunicado o Conselho Nacional de Gays e Lésbicas (National Gay and Lesbian Task Force), a organização mais antiga nos Estados Unidos de defesa dos direitos de lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais.

Kameny, que trabalhava para o serviço de mapas do Exército, foi demitido e proibido de trabalhar no governo em 1958, depois de ser detido pela polícia por ser homossexual.

Nascido em Nova York, este doutor em astronomia pela Universidade de Harvard enveredou, então, por uma longa trajetória de ativista da causa LGBT. Ele lutou contra a discriminação no setor público, as leis anti-LGBT e a classificação na psiquiatria, cancelada em 1973, da homossexualidade como doença mental.

Ele estava sentado na primeira fila de convidados quando o presidente Barack Obama assinou a suspensão da lei conhecida como "Don't Ask, Don't Tell" ("Não pergunte, não diga"), que forçava militares gays e lésbicas a ocultar sua orientação sexual sob pena de expulsão.

Kameny é o inventor do lema "Gay is good" ("É bom ser gay"), exibido em cartazes em frente à Casa Branca em 1965, muitos dos quais fazem parte, hoje, da coleção do Museu Nacional de História Americana. Uma rua em Washington foi batizada com seu nome.

Seu arquivo pessoal, com mais de 70 mil cartas, documentos e objetos, está desde 2006 na Biblioteca do Congresso, formando "provavelmente a coleção mais completa do movimento de defesa dos direitos LGBTs nos Estados Unidos", segundo esta instituição.

Norma para comentários:
Acusações insultuosas e comentários em desacordo com o tema da matéria serão despublicados.
Comentários dos leitores (20)
Orlandivo Ambrósio Avenca16/10/2011 20:08
Orlandivo Ambrósio Avenca16/10/2011 20:08
Sexta-feira, 21, às 18h30min, no bar Ocidente, em Porto Alegre, a OAB-RS promove um debate sobre os direitos GLTB, com entrada franca. Os painelistas são a advogada Maria Berenice Dias, uma das maiores referêmcias na luta por nossos direitos, e o jornalista e ex-deputado Marcs Rolim, outro estudioso do tema. Um momento supremo para que discutamos as conquistas que já fizemos e o quanto nos falta para que avancemos em direção à plena cidadania.
Paulo Andaime16/10/2011 14:05
Paulo Andaime16/10/2011 14:05
Julim, quero te ver com 86 anos, saindo às ruas, com alguém te chamando de bichona, assim, na lata...Vais gostar da agressão ? Não te esqueças de que serás um idoso no futuro, a não ser que Papai do Céu te chame antes...
JULIM16/10/2011 12:48
JULIM16/10/2011 12:48
Até com 86 anos se percebe de longe que ISSO ERA MESMO UMA BICHONA
leco16/10/2011 11:09
leco16/10/2011 11:09
Fiquei admirado com esse SER.Existem pessoas que muito fazem pela nossa causa e poderiam serem transformada em um simbolo de nossa luta no mundo inteiro , - Frank Kameny seria talvez o mais forte candidato.Gostaria de ver no Brasil alguem com a mesma garra pra fazer o mesmo nas Forças Armadas daqui. Obrigado por tudo amigo Frank , você esta na lista daqueles que muito fizeram pela humanidade enquanto estiveram nesse Planeta.
PedroPaulo-CE16/10/2011 8:05
PedroPaulo-CE16/10/2011 8:05
Sem dúvida, um exemplo de vida e que muito dignifica a causa gay. Que as jovens bibas de hoje, tão fúteis e (muito) preconceituosas em relação aos mais velhos ou os que não são mais sarados e belos, possam refletir que a boa vida e pseudo-aceitação de que desfrutam hoje se devem à coragem e pioneirismo de pessoas como esse ativista. Também é muito bom ver que um homossexual pode chegar aos 86 anos de forma sadia e respeitável. Aposto um milhão que a vida dele não se resumia à boates, academia e pegações como a de um grande número de gays aqui no Brasil...
Binho16/10/2011 4:54
Binho16/10/2011 4:54
Nossa esse velho deve ter dado e chupado muito em ou comido muito cu na sua vida!
Pedro16/10/2011 1:04
Pedro16/10/2011 1:04
Alô Josemar Tiradentes. Há muito não lia algo tão construtivo, neste sítio. Parabéns e continue assim. E obrigado pelas sábias palavras.
ó q fofo15/10/2011 18:27
ó q fofo15/10/2011 18:27
ó o velhinho parecia um teletubie que meigo!!!
ADOBÃO/MA15/10/2011 13:16
ADOBÃO/MA15/10/2011 13:16
COMO SE MEDE UM HOMEM? PELA GRANDEZA DE SEUS FEITOS... EIS UM GRANDE HOMEM... DESCANSE EM PAZ E QUE A LUZ PERPÉTUA TE ILUMINE!!!
Walter14/10/2011 23:48
Walter14/10/2011 23:48
Obrigado por você Frank ter vindo ao mundo.A velhice é definitiva mas a juventude é provisória.
!!!!!!14/10/2011 21:55
!!!!!!14/10/2011 21:55
olha, sobre os comentários a respeito das bichinhas novas terem preconceitos com as velhas, isso é muito deselegante, no entanto, as pessoas precisam saber a hora de sair de cena, com dignidade, ........
Vinícius 14/10/2011 21:37
Vinícius 14/10/2011 21:37
Isso deve servir de exemplo para os homossexuais, conheço vários homossexuais que são preconceituosos com caras mais idosos, é acho isso ridículo. Um idoso tem direito de fazer o que quiser , ir em boates , bares gls e etc. Vale lembrar que amanha seremos um idoso tb
American life14/10/2011 19:37
American life14/10/2011 19:37
quem dera houvesse alguém assim, aqui neste país, capaz de aglutinar pessoas. e quem dera houvesse pessoas capazes de se sensibilizar com um movimento organizado, consciente e esclarecido para conquista e, principalmente, o usufruto dos direitos conseguidos com luta!!! uma pessoa de valor. consciente de seu papel na sociedade. um bom exemplo para todos aqui.
Josemar Tiradentes14/10/2011 19:12
Josemar Tiradentes14/10/2011 19:12
Há bibas bem novinhas que quando enxergam homossexuais mais velhos, entrando numa boate ou bar, logo desferem sua inconsciência, misturada com imaturidade: "bicha velha". Esquecem esses jovens que muitos dos direitos e benefícios de que eles gozam hoje são resultados dos lutas das gerações que os antecederam. Frank é um exemplo desses guerreiros. Conseguiu, por exemplo, que os militares não fossem execrados e perseguidos nos quartéis por sua expressão sexual. No Brasil, tu podes serr homossexual dentro das Forças Armadas, nem sempre Amadas. Desde que tu te feches num armário e jamais reveles tua identidade sexual. Isso é HIPOCRISIA. Muitos militares casam com mulheres para não serem hostilizados na caserna e para taparem o sol com a peneira da dissimulação. Falta no Brasil, entre outras conquistas da homossexualidade, uma lei que permita que os homossexuais de farda possam viver sua sexualidade, sem a esconderem de seus superiores, com medo de serem castigados e punidos. Conheço um militar que na rua é másculo ao extremo. Entre quatro paredes, veste-se de freira ou estudante do Ensino Médio, e diz ao parceiro: "Põe tua esta tua jeba enorme na minha bacurinha, porque sou uma donzela virgem e inocente". A sexualidade pode - e deve - ser vivenciada livremente, mas jamais abafada pelo cinismo que a encara como algo danoso à moral e ao bom convívio social. Dá nojo tomar contato com tanta hipocrisia... Obrigado, Frank, por tudo o que fizeste por nós. Deus te acolha na Sua paz, e que em outras querências do Universo possas continuar a trabalhar e agir, ajudando a construir uma civilização mais autêntica, justa e humana.
DIVA!!!14/10/2011 16:31
DIVA!!!14/10/2011 16:31
DIVA!!!!
Pedro14/10/2011 15:44
Pedro14/10/2011 15:44
Com certeza, uma alma iluminada que veio contribuir para a diminuição da ignorância no ceio da Humanidade.
Lélio14/10/2011 14:25
Lélio14/10/2011 14:25
Isso que é um vovô feliz! Que seu espírito guerreiro esteja iluminando a mente de todos os jovens LGTB pelo mundo!
daniel14/10/2011 14:20
daniel14/10/2011 14:20
muito obrigado, por tudo que vc frank , fez por nós homoafetivos ..... vc foi exemplo para o mundo ...... VALEU
Ivan14/10/2011 11:01
Ivan14/10/2011 11:01
Que história linda, desse ancião intelectual e ativista na causa gay. Perdeu até o emprego militar por ser gay, mas foi guerreiro, fortificou-se mais ainda na luta pela intolerância. Pessoas assim, que faz valer à pena viver! O quanto que nós já passamos por sermos gays, com perda de emprego, desprezo, humilhação. Nos dias atuais muito está mudando, as mulheres e os gays ocupando espaços importantes no engrandecimento das civilizações. Muitos machista caindo por terra. Todos somos seres humanos, portanto ninguém melhor que ninguém. Privilégios, justiça, desmerecimento, merecimento para todos.
Sirica Redonda14/10/2011 10:32
Sirica Redonda14/10/2011 10:32
Tenho certeza q está agora no Paraíso,numa bela piscina cercado por 21 bofes escândalo. Vc arrasou em vida,fez a diferença e merece colher o bem q fez ao próximo.Beijo querido.
Faça seu comentário!
Nome

Faça seu comentário:

LEIA TAMBÉM
LEIA MAIS
21/10/2014 NOTíCIAS » Argentina concede refúgio a gay russo e pode virar destino para vítimas.
21/10/2014 NOTíCIAS » Confira quais são os avanços dos direitos gays no mundo.
20/10/2014 NOTíCIAS » Eles ficam com homens e negam ser gays. Conheça os g0ys de Brasília!
20/10/2014 NOTíCIAS » Vaticano divulga mensagens e pede respeito aos homossexuais.
17/10/2014 NOTíCIAS » Otaviano Costa ganha selinho de Rodrigo Hilbert em Amor & Sexo.
17/10/2014 NOTíCIAS » Delicie-se com os strippers virtuais do Câmera Privê: prazer sem limites pra você!
16/10/2014 NOTíCIAS » Venha curtir peças fresquinhas da W FOR UP, que vão te acompanhar neste verão!
15/10/2014 NOTíCIAS » Casal de pastores comemora dupla paternidade em certidão de nascimento do filho.
Pedro
Twitter
Facebook
© Copyright 2013 MundoMais. Todos os direitos reservados.